Vidas Renovadas
17 de outubro de 2015
Triangulo Esporte (4 artigos)
4 comments
Compartilhar

Vidas Renovadas

Além dos benefícios para o corpo no geral, o esporte tem o poder de mudar vidas, trazer esperança e uma nova direção

 

Caminhos que se cruzaram no esporte. Duas batalhas, uma contra a obesidade e outra contra a dependência química. Duas histórias, dois caminhos, dois amigos que encontraram no esporte a chance de mudar de hábitos. Exemplos de superação e a prova viva de que nunca é tarde para começar de novo. A história de Daniel Alencar começa em Goiânia, onde vivia com os pais e lá conheceu o mundo das drogas. “Comecei a beber e fumar, depois experimentei drogas ilícitas e daí pra frente, meu caminho foi o pior que uma pessoa pode imaginar”, afirma Daniel.

A dependência química é uma doença progressiva, e com o passar do tempo, ele precisava de cada vez mais e em doses maiores. “Quando me dei conta, já havia perdido tudo na vida, família, relacionamento… tudo estava em risco. Por diversas vezes, a polícia batia à minha porta, mas não encontrava o que procurava. Eu já não era mais um simples usuário, estava cada vez mais envolvido em um universo paralelo, chegava a buscar drogas em presídios para revender na cidade. Eu não podia mais viver daquela forma. Não aguentava mais. Visitando minha irmã em Araxá, fiz minha inscrição para o vestibular em um stand do Uniaraxá. Usei drogas à noite toda, fiz a prova de manhã e voltei para Goiânia. Depois de alguns dias descobri que havia passado, vendi tudo e vim cursar Educação Física. Nesse ponto o esporte foi decisivo. Comecei a pedalar, correr, nadar. As drogas não tinham mais espaço em minha vida. Hoje, sou formado, professor de natação, triatleta e afirmo com clareza, que graças a Deus e ao esporte posso me orgulhar de quem sou agora!”

Já com Fabrício Verçoza, o problema era outro. Obeso, chegou a pesar cinquenta e dois quilos acima de seu peso ideal. Sofria os efeitos de tamanho sobrepeso, problemas no joelho, refluxo, cansaço constante, psicológico abalado. “Sempre briguei com a balança, regimes e remédios fizeram parte da minha história. Experimentava de tudo para emagrecer e conseguia. Mas depois voltava a ficar obeso novamente, até que cheguei no ponto em que desisti de lutar, não tinha mais forças, meu psicológico estava destroçado e minha autoestima era zero. Não queria mais ver as pessoas, tinha vergonha…”

Durante certo período de sua vida, Fabrício largou tudo. Mas cansado do rumo que as coisas estavam tomando, em setembro de 2013, decidiu que perderia vinte quilos em noventa dias, e para isso criou uma rotina de dois exercícios físicos ao dia, às vezes três. Todos os dias, natação e corrida ou bicicleta e corrida. Passados quinze dias já havia perdido cinco quilos, daí para frente não parou mais. Em dois anos, perdeu quarenta e dois quilos, somente com o esporte. Ainda faltam dez quilos para seu peso ideal, mas continua firme. Descobriu na corrida sua paixão. As distâncias nos treinos que não ultrapassavam 500 dolorosos metros no início, baseiam-se hoje nos treinamentos para as ultramaratonas. Os caminhos destes atletas se cruzaram em um grupo de triathlon no whatsapp, onde Daniel procurava um parceiro para uma corrida de cem quilômetros, de Franca a Rifaina. “Ainda não conhecia o Daniel, e o máximo que havia corrido era quarenta quilômetros. Começamos a treinar juntos, me contou sua história e isso me motivou ainda mais. Participamos da corrida dos cem quilômetros, e concluímos em onze horas. Naquela prova, acima de tudo, ganhei para a vida toda um grande e novo amigo. O esporte nos proporciona isso”, diz Fabrício.

 

“O que considero mais importante, não tem como ser medido! O retorno em saúde e vontade de viver… Isso não tem preço!”

 

Triangulo Esporte

Triangulo Esporte

A revista TRIANGULO ESPORTE marca o início de uma nova marca, um novo conceito. Vivemos hoje uma visível conscientização por parte da grande maioria sobre a necessidade de cuidar do corpo e a importância de uma atividade física.

Comentários

  1. RVM
    RVM outubro 17, 13:41
    Bela história de parceria e superação! Parabéns aos dois
    • Daniel Alencar
      Daniel Alencar novembro 03, 20:04
      Obrigado RVM, graças a Deus que houve todas essas mudanças, me sinto abençoado.
  2. Guilherme Alencar
    Guilherme Alencar outubro 19, 11:21
    Parabéns por ter Vencido na Vida meu primo Daniel!!!
    • Daniel Alencar
      Daniel Alencar novembro 03, 20:06
      Valeu meu primo Gui, acredita que mudanças pode haver em qualquer um, abraços.

Comentar

Seus dados estarão seguros! O seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios marcados como *