Clarissa Rocha Nagli, dificuldades e superação em uma época que era bastante incomum mulheres triatletas
7 de abril de 2016
Clarissa Rocha Nagli (1 article)
Seja o primeiro a comentar!
Compartilhar

Clarissa Rocha Nagli, dificuldades e superação em uma época que era bastante incomum mulheres triatletas

“O Triathlon surgiu em minha vida em 1984. Meu primeiro contato com o esporte foi “paixão à primeira vista”, poder praticar três modalidades em um único esporte era o máximo. Como já praticava natação, inserir a corrida e o ciclismo na minha rotina foi muito agradável.”

clarissa-rocha-nagli-01

Cursando educação física e trabalhando como professora de natação, procurava otimizar meus treinos na minha rotina diária. Morando a 10 quilômetros da faculdade, já usava a bike como meio de transporte. Na faculdade, aproveitava para nadar e correr em volta da Lagoa da Pampulha, o que era um privilégio desfrutar daquela paisagem.

Como o Triathlon era um esporte novo, fazíamos loucuras nos treinamentos, não havia planilhas elaboradas e nem uma nutrição desportiva para auxiliar nos treinos, desgaste total; chegava a fazer um Triathlon por dia e nos fins de semana eram os treinos longos, hora de pegar a estrada e fazer o longão, 100 quilômetros girando na bike. Em relação aos equipamentos, não tinha a facilidade de hoje. As bikes eram importadas e com alto valor; trocar uma peça era uma dificuldade. Muitos atletas desistiam por ser um esporte de alto custo. Por ter sido a primeira mulher mineira a participar de uma prova de Triathlon, tive a oportunidade de ser patrocinada pela Skol, que foi uma grande ajuda para participar de competições em outros Estados.

 

 

clarissa-rocha-nagli-02

Praticar um esporte de alto nível de exigência física e mental não é facil, tive de abrir mão de muitas coisas em minha vida, como festas e baladas. Apoio de pessoas queridas também foi essencial, minha mãe sempre incentivou, apesar de achar muito perigoso. Naquela época não era muito comum mulheres pedalando pela cidade. Meu namorado, hoje meu marido, também foi o maior incentivador, sempre me auxiliando nas competições e treinos.

Hoje, relembrando essa época, sinto saudades e vejo que esse esporte só trouxe alegrias e benefícios para minha vida. Falo sempre que foi um investimento com retorno garantido: saúde, amizades, bem-estar e alegria.

Não quero mais participar de competições, mas não abro mão das minhas pedaladas, nadadas e corridas. Inserir um esporte na vida, desde a infância, é o melhor investimento que um pai pode fazer para o filho.

 

 

“Por meio do esporte cria-se uma disciplina, rotina, persistência, equilíbrio, que você leva para a vida adulta.”
Clarissa Rocha Nagli

Clarissa Rocha Nagli

Clarissa Rocha Nagli foi a primeira triatleta mineira a completar uma prova de Triathlon, hoje é proprietária da academia Hidromania na cidade de Araxá.

Comentários

Ainda sem comentários Seja o primeiro a comentar!

Comentar

Seus dados estarão seguros! O seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios marcados como *